artistas-soupop-vendas
Dicas

Confira 3 dicas para bombar suas vendas na Soupop!

A Soupop é um ótimo meio para divulgar seus trabalhos, sejam ilustrações, fotografias, tipografias… e para render aquela grana bacana fazendo o que você mais gosta! Mas, em meio a milhares de artes no site, é possível se destacar e virar um dos artistas TOP de vendas na Soupop? Claro que sim! Se você é já é um dos nossos artistas ou está pensando em criar sua loja, não pode deixar de conferir essas dicas para ajudar a divulgar seus produtos e aumentar o interesse dos clientes nas suas artes. Confira!

Dica 1: Entenda seu público-alvo, suas demandas e tendências!

Sabendo que tipo de público curte mais o seu trabalho, você saberá exatamente para onde seu esforço de divulgação precisa estar voltado, aumentando suas chances de venda. Suas artes tem um estilo mais voltado para o público masculino ou feminino? Mais romântico ou geek? Aproxime-se do público certo! Quanto maior a capacidade de interpretação dos desejos do seu público e quanto melhor o seu posicionamento nas redes, maiores serão os lucros em vendas.vendas-artistas-soupop

Foto: EsBrillante

Outro ponto muito importante é estar ligado nas tendências. Vamos tomar por exemplo pessoas que curtem o universo “geek”. Além de compartilhar seu trabalho para esse público-alvo, manter-se ligado nas datas de lançamento de filmes e séries pode ser uma mão na roda para se estimar em que época do ano determinadas atrações tendem a estar mais em alta. Fique de olho também nas tendências do mundo da decoração e da moda. Isso aumenta as chances das suas artes sempre estarem “batendo ponto” nas pesquisas do site.

Por fim, é preciso saber o quê e quando divulgar. Se você tem muitas artes disponíveis para venda, a boa é se planejar! Seguir calendários de lançamentos e datas comemorativas podem ajudar a divulgar sua arte na hora certa! Dia dos Namorados, Dia das Mães, Natal são ótimas datas para o comércio, por exemplo. Mas também há datas mais inusitadas e lançamentos de filmes e músicas que podem render uma divulgação bacana e fazer com que sua arte seja mais vista e comentada pelas pessoas.

Dica 2: Use as redes sociais a seu favor!

Ter um perfil profissional para divulgar o seu trabalho nesse mundão on-line é essencial! Diferente do seu perfil pessoal, você pode utilizá-lo para tratar apenas do seu trabalho e divulgar melhor suas artes para seguidores que realmente estão interessados e o acompanham. É fundamental que você não só tenha um perfil nas redes sociais mais usadas do momento, como saiba utilizar suas funcionalidades. Procure estar por dentro do que o Facebook, Instagram, Twitter, Youtube, Pinterest, etc., tem a oferecer para você e saber como aproveitar ao máximo cada uma dessas redes. Sites voltados para a comunidade de design e fotógrafos, como o Behance e o Flickr, facilitam o encontro do seu perfil com mais facilidade. Pegue dicas com profissionais de mídias sociais ou se for possível, contrate alguém para lhe ajudar, mesmo que por um período específico.

vendas-artistas-soupop

Foto: EventBrite 

Não se esqueça também estar atento ao visual do seu perfil. Ele precisa condizer com o seu público e com o trabalho que se pretende divulgar. Procure sempre pensar em como ser criativo e chamar a atenção! Ao mesmo tempo que você está divulgando suas artes, milhares de postagens, fotos e vídeos estão sendo publicadas e você precisa se destacar, seja com um design diferente ou com uma legenda engraçada ou chamativa, algo que motive seu público! Utilizar as famosas hashtags também é uma ótima dica para que seu post seja encontrado com mais facilidade.

Lembra do que falamos anteriormente sobre o público alvo? Com ferramentas muitas vezes disponíveis nas próprias redes sociais é possível mapear de modo mais específico as características que formam a persona dos seus seguidores: de onde eles vem, a faixa etária predominante, seus hábitos, dias e horários de maior e menor movimento, entre outros dados.  Lembre-se que a vida útil das postagens na internet é cada vez mais curta.  Ao saber quais são os horários de maior movimento, por exemplo, você pode se programar com antecedência e aumentar as chances da sua postagem ser vista por mais pessoas.

Por fim, além de manter um perfil profissional ativo, interaja com seu público! Nunca se esqueça de responder comentários e dúvidas. Faça parte de grupos e comunidades e compartilhe suas artes lá! Mande e-mails contando as novidades do seu trabalho. Envie o link da sua página no whatsapp, publique vídeos do making of seu trabalho no youtube, enfim, aproveite as oportunidades!

Dica 3: Invista em anúncios!

Quanto mais você postar nas redes sociais, principalmente no Facebook e Instagram, com o tempo você vai perceber que suas postagens poderiam estar alcançando bem mais pessoas. E isso acontece por um motivo. O Facebook possui um algoritmo que limita suas postagens para uma pequena porcentagem dos seus seguidores e para contornar essa situação e expandir o alcance para o restante de seu público (e outras pessoas que ainda não conhecem seu trabalho) é preciso investir dinheiro em anúncios do Facebook Ads. Sabendo criar um anúncio perfeito e escolher bem o público para qual ela vai ser destinada pode tornar sua loja conosco um sucesso de vendas!

Por oferecer total controle no orçamento das campanhas, uma das maiores vantagens do Facebook Ads é a possibilidade de custos baixos em investimento. No entanto, entender o funcionamento da ferramenta e os filtros que esta oferece é algo primordial para a otimização dos investimentos. A ferramenta possibilita plena segmentação sobre quem será impactado pelo seu anúncio por dados demográficos,  interesses, gostos, etc. Você precisa segmentar bem o seu anúncio para o público-alvo do seu negócio. Feito isto, as chances de ganhar novos fãs do seu trabalho e clientes são grandes!

Mas como isso tudo funciona? Os anúncios  no Facebook Ads podem  ser iniciados através do “gerenciador de negócios” ou diretamente na sua página pelo botão “Impulsionar publicação” (caso você deseje aumentar o alcance de um post que já está publicado). Você pode escolher aonde esses anúncios aparecerão para o público: podem estar no feed de notícias,  na coluna da direita (usando o Facebook pelo desktop), com formato específico para mobile e aparecer no Facebook + Instagram ou, se desejar, apenas no Instagram. Além do “Gerenciador de Negócios”, a outra opção existente é o “Power Editor”, ela é uma ferramenta mais avançada e indicado para uso por profissionais de mídias sociais, que precisam ter controle de vários anúncios ao mesmo tempo. Para quem está iniciando, o “Gerenciador de Negócios” é mais indicado, por ser mais ágil e simples.

Seja qual for a ferramente escolhida, é essencial compreender a dinâmica do funcionamento desse tipo de publicidade. Por isso, é importante que se estude (muito!) sobre o assunto e/ou se consulte um profissional especializado na área para que possa te auxiliar na estratégia perfeita. Há muitos tutoriais e vídeos na internet sobre como criar um anúncio e segmentá-lo, além do suporte que o próprio Facebook lhe proporciona. Vale a pena dedicar um tempinho!

Por fim, é importante lembrar que a eficácia de uma ação de marketing digital é sempre justificada em números, portanto é necessário que se mantenha um acompanhamento da mensuração do desempenho dos seus Ads. Avalie os resultados númericos dos seus anúncios, que são fornecidos pelas ferramentas, para que tenha certeza que você está lucrando com eles e não o contrário. Para isso você deve estar atento ao valor do ROI (Retorno Sobre Investimento). Esteja atento também nos valores gastos nos Modelos de Compra de Mídia e no Orçamento da sua campanha.  Os dois principais modelos de compra de mídia são o CPC (Custo Por Clique), que é o valor que você paga para cada pessoa que clicar no link que você está anunciando; e o CPM (Custo Por Mil Impressões), que é o valor pago a cada mil vezes que o seu anúncio for exibido. Já o orçamento para determinada campanha também pode ser distribuído de formas diferentes. Você pode escolher um Orçamento Vitalício, onde o Facebook que irá escolher  os melhores dias e horários para vincular seu anúncio dentro do limite de valor que você estipular; ou pode escolher um Orçamento Diário, onde você limita o valor a ser utilizado por dia. Não fique preocupado se o seu anúncio não “bombar” de primeira. Faça testes e vá mudando sua estratégia se necessário.

Ufa! Quanta informação, não é mesmo? Mas não se preocupe, dedicando seu tempo para seguir essas dicas você estará sempre com um passo a frente! Desejamos muito sucesso nas suas vendas e qualquer dúvida, deixe aqui nos comentários.
Até a próxima! 😉

Previous Post Next Post

Veja também...